whatsapp 660x396.jpg

 

Você conhece a função Catálogo do Whatsapp Business? Se não, vamos te mostrar. Além disso, queremos ensinar umas dicas que normalmente não te contam sobre como usar esse recurso de forma estratégica.

 

Mesmo sem ter um site ou loja virtual, é possível utilizar essa funcionalidade. Se você não possui um e-commerce, esse dispositivo é ainda mais importante no seu caso! 

 

Acompanhe a leitura para aprender como usar aplicar dicas estratégicas para turbinar suas vendas pelo aplicativo de mensagens

 

 

O que é e para que serve?

 

O Catálogo é uma excelente ferramenta para montar seu portifólio de produtos e compartilhar com seus clientes. Lançado em 2019, ajuda muito no impulsionamento das vendas. 

 

É possível incluir fotos, preços, diversas informações e até mesmo um link de pagamento para que o cliente possa comprar de forma direta e com muita facilidade.

 

Como configurar? 

 

Antes de tudo, saiba que essa funcionalidade só existe no Whatsapp Business. Então, se você ainda não instalou a versão para negócios, acesse esse vídeosiga o passo a passo para habilitar o formato profissional do app. 

 

Após ter configurado sua conta, é hora de ativao Catálogo. Veja como é simples acessá-lo e incluir as informações dos seus produtos: 

 

 

 

Agora que você sabe como o Catálogo funciona, é preciso preenchê-lo de forma estratégica. Siga então algumas dicas para aproveitar ao máximo o potencial dessa ferramenta. 

 

Fotos que vendem  

 

Selecione com cuidado as fotos que serão usadas no Catálogo, afinal ele será sua vitrine virtual

 

Imagens nítidas e de qualidade são fundamentais para o sucesso de suas vendas 

 

Se você acha que, para conseguir um bom resultado é necessário contratar um fotógrafo ou adquirir equipamentos caros, você está enganado! Hojea maioria dos aparelhos celulares possui câmeras de qualidade e, seguindo dicas simples na hora de fotografar, você mesmo pode fazer fotos bacanas e muito “profissionais”.  

 

Siga essas orientações para produzir fotos perfeitas: 

 

  1. 1. Esteja atento à luminosidade, prefira luz natural, sem uso de flash. 

  1.  
  2. 2. Utilize um tripé, de preferência, ou posicione o celular em uma base. Mas se for tirar a foto sem apoio, mantenha as mãos firmes para que ela não fique tremida.  

  1.  

iphone-tripe 660x440.jpg

  1.  
  2. 3. Atenção ao enquadramento. Centralize o objeto e certifique-se que nenhuma parte dele seja cortada. Exceto nos casos em que o corte seja intencional, para montar uma composição mais artística ou para dar close em detalhes. 

  3.  
  4. 4. Selecione foco, clicando na tela sobre o ponto onde a imagem precisa estar mais nítida, ou seja, no produto e não no ambiente. 

  1.  
  2. 5. Tire várias fotos do seu artigo em diversos ângulos e posições diferentes.  

  1. Se preciso, em uma das fotos, inclua ao lado do seu produto, um objeto que sirva de parâmetro, como uma régua, ou alguma peça para comparação. Isso facilita para o cliente entender o tamanho real do produto. 

  1.  
  2. 6. Fotografe detalhesAlém de uma foto que mostra o produto por inteiro, é importante incluir outras que dão destaque a certas partes. O efeito zoom valoriza os diferenciais das suamercadorias.  

camisa 660x495.jpg

 

👉 Coloque-se no lugar do cliente: como não é possível tocao produto, ele precisa ver, com o máximo de precisão, as particularidades do item para confiar na qualidade e se convencer a comprar. 

 

Descrição: o que é importante informar 

 

As informações mais relevantes vão depender do tipo de produto. Se é um artigo decorativo, um móvel, ou mesmo vestuário, será preciso descrever, pelo menos: 

 

  • As medidas  

  • O material  

  • As cores disponíveis  

  •  

No caso de um item alimentício, por exemplo, alguns detalhes são importantes, como: 

 

  • Ingredientes / sabores 

  • Quantidade 

  • Tamanho 

 

👉 Mas uma regra em comum para qualquer segmento é: seja claro e objetivo para eliminar possíveis dúvidas do comprador. Quando as informações não estão dispostas de forma direta ou são difíceis de entendera chance de o cliente desistir da compra aumenta 

 

Link: para onde direcionar 

 

Uma maneira estratégica de usar esse campo disponível no Catálogo, é preenchê-lo com o link de pagamento. Se você ainda não utiliza essa forma de recebimento, veja como funciona: 

 

 

Mas por que não direcionar o link do Catálogo para o site?    

 

O Catálogo permite visualizar, além do preço, as fotos dos produtos e a descrição, portanto, possui todas as informações necessárias para a tomada de decisão. O link de pagamento é o caminho mais curto para finalizar a jornada de compra.   

 

👉 Ao inserir o link de pagamento, você já encaminha o cliente para a fase final da venda, ao passo que, se direcioná-lo ao site, o processo terá mais etapas até a conclusão do pedido, criando possibilidades de distração, adiamento ou mesmo desistência da compra. Evite perder vendas! 

 

 

Gostou das dicas? Então não espere mais para criar seu Catálogo e compartilhar com seus clientes. Lembre-se de ativar também o link de pagamento do RecebeAqui para que o processo de compra seja ainda mais prático, seguro e facilitado! 

Comentários

Seja o primeiro a comentar...

Postar